7 dicas de Postura, Palhetada e Técnica

7 dicas de Postura, Palhetada e Técnica

Dica 1: Polegar sempre atrás do braço

Com o polegar em cima do braço o guitarrista perde elasticidade na mão esquerda, dificultando execuções rápidas, portanto deixe sempre atrás do braço nesses momentos.
Usamos o polegar em cima do braço somente como recurso para auxiliar em formação de acordes, usando o polegar como baixo na formação do acorde.
Usa-se também como o polegar em cima do braço para dar mais “pegada” e brutalidade para uma determinada idéia em um solo.

Dica 2: Alongamento antes de tocar

Faça alongamento nas mãos e braços antes de tocar. Isso ajuda a deixar a musculatura mais relaxada, facilitando a execução técnica de qualquer coisa que você toque na guitarra.

Dica 3: Digitação ideal

Tenha essa visão para executar todas as coisas que você toca. Isso vai te ajudar a ganhar muito mais velocidade quando precisar e também a tocar sem precisar olhar para o braço da guitarra, já que os dedos estarão sobre as casas certas.

Dica 4: Prezar pela lei do mínimo esforço

Afaste os dedos da mão esquerda e direita o mínimo possível na hora de tocar. Isso ajuda a melhorar a técnica e é um dos maiores segredos dos guitarristas virtuoses. Eles prezam pela lei do mínimo esforço.

Dica 5: Ação baixa das cordas

Leve a sua guitarra sempre a um luthier, toque sempre com a ação baixa das cordas porque isso ajuda muito na técnica. O guitarrista por mais experiente que seja se não tiver uma guitarra bem regulada certamente vai sofrer com falhas técnicas na hora do improviso.
Se você for um guitarrista curioso aprenda sozinho a regular o seu instrumento. Hoje em dia temos vários vídeos e tutoriais na internet, pesquise no youtube e no google e bote a mão na massa.

Dica 6: Estudar sempre com metrônomo, pensando nas figuras rítmicas

Semínima – 1 nota por tempo
Colcheia – 2 notas por tempo
Tercina – 3 notas por tempo
Semicolcheia – 4 notas por tempo
Sextina – 6 notas por tempo

Estude com as figuras rítmicas e metrônomo.
Não esqueça de aumentar aos poucos a velocidade e ir criando desafios.
Fuja sempre da sua zona de conforto e sua palhetada certamente vai melhorar.

Dica 7: Estudar com a guitarra desligada

Sua técnica ficará ainda mais afiada caso estude de forma despretensiosa assistindo televisão por exemplo.
Estudar dessa maneira despretensiosa faz com que sua musculatura fique relaxada e na hora que estudar com o metrônomo de uma forma mais formal o estudo tende a fluir com mais facilidade.
Experimente!

Dica 8 (BÔNUS): Conheça o Treinamento Como Solar na Guitarra

Você já conhece o curso Como Solar na Guitarra?
Nele você vai aprender a organizar os seus estudos, começar a improvisar na guitarra e se organizar nos estudos.

Entrego um passo-a-passo para que você tenha foco e direção. Outro detalhe é que você poderá entrar para o meu grupo fechado no whatsapp e tirar dúvidas diretamente comigo, além de aprender com os demais alunos do grupo.

Clique agora na imagem abaixo para assistir o vídeo onde explico tudo isso e dou dicas grátis para você guitarrista evoluir de forma extraordinária.

Rodrigo Ferrarezi

Guitarrista do Ministério Rochedo de Israel, Professor de Música, Empreendedor Digital no Digital de Sucesso e Criador dos Cursos Online Guitarra Intensiva e Como Solar na Guitarra.

Aprenda como criar solos de guitarra com a Escala Pentatônica!

Rodrigo Ferrarezi

Guitarrista do Ministério Rochedo de Israel, Professor de Música, Empreendedor Digital no Digital de Sucesso e Criador dos Cursos Online Guitarra Intensiva e Como Solar na Guitarra.

Website: http://www.rodrigoferrarezi.com

4 Comentários

    • Valeu Clodoaldo. Obrigado pelo comentário.
      Continue acompanhando os artigos do Blog.
      Abração 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *